segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Intercâmbio GMM = Eu vou!

Estou na preparação para uma super viagem ao sul do país,especificamente Santa Catarina,onde já estive 2 vezes.Dessa vez,é super especial por causa do intercâmbio GMM no qual fui sorteada para também receber um jovem catarinense aqui nas terras cearenses( ele vai morrer nesse calorão aqui,rs) e conhecer o meu projeto: O Projeto Brasilis.
Nesses 06 dias de estadia em terras catarinenses pretendo fazer várias coisinhas legais e claro,tentar trazer muitas novidades e novos conceitos para o Ceará.Serão dias intensos com direito a idas e vindas a sobe e desce,mas será muito frutífero.
Pretendo visitar a comunidade Coripós em Blumenau onde foi realizado o oásis e conhecer o Sr.Fidêncio,super ativo na região,e constatar o poder transformador da solidariedade na vida das pessoas.Além,disso vou passar pela cidade mais alemã do país,Pomerode e me reunir com uma turma que manda super bem na cultura por lá e que trabalhei com eles na Campanha Brasilidades de 2010.
Pomerode-SC

Além do grupo manual da inteligência e Revista Imaginação de Floripa estará sempre a mim acompanhar durante esses dias,afinal é por eles que estou indo.Claro,que farei paradas estratégicas em pontos de Timbó,Itajaí e Floripa afinal de contas quero conhecer ainda mais as maravilhas dessas cidades,estou tentando montar uma agenda,mas é dificil....mas a lagoa da Conceição e uma das praias de Florianópolis,será possivel não conhecer?? rsrs

Vou seguindo de malas prontas...acompanhe meu diário de viagem,aliás intercâmbio.


Boa semana!

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Avaliar é saber dar valor...

Ao longo de pouco mais de um mês,decidi fazer parte do processo de seleção para os guerreiros sem armas,um curso,uma vivência no que toca ajudar e transformar pessoas,comunidades,vidas em multirão e somados a isso estratégias de facilitação e ação,aquilo de colocar a mão na massa,literalmente.Essa breve explicação vai para todos aqueles que acessam meu blog e não conhecem esse grande processo e quem quiser conhecer mais clique Aqui.Então,Conheci o processo através da Ashoka e por fazer parte do GMM (Geração Muda Mundo) resolvi tentar e no decorrer desse tempo passei por diversas fases,um verdadeiro sobe e desce.

Assim,vamos para descendo (dificuldades):


-Atualizar um blog não é fácil.
-Trabalhar,estudar,cuidar de uma casa,ter um projeto social e ainda "ser uma guerreira em processo" rsrs,não é fácil.
-Montar todas as atividades é dificil,exige-se tempo e criatividade.
-Construir cada passo no blog,exige tempo somente para aquilo e um tempo considerável.

Agora,subindo (aprendizagens com o processo) :



-Antes eu só "visitava" meu blog e agora ele é mto estimado por mim e ajuda a influênciar muitos outros p/causas do bem.
-O ato de exercitar a criatividade é fantástico!!!
-Elaborar e fazer uma ação é demais,te possibilita o contato com o outro.
-A troca de informações e auxílio entre os jovens GMM aqui no Ceará foi e é demais.
-A idéia do Espaço Aberto que vai ser levado até o sertão,tem sido ótima e um verdadeiro conhecimento!
-Ter que se superar e dizer:" Eu vou até o fim deste processo."
-Ter que compartilhar com todos cada passo,que é um degrau até um topo de conhecimento.

Como podem ver é mais aprendizado que dificuldade no final e podem está certos,estou muito feliz de ter chegado até este Ultimo passo.

Bjus!

sábado, 20 de novembro de 2010

5,4,3,2,1 Já

Colocar qualquer plano em ação é difícil,não é?Imagine no sertão,ai fica mais complicado.Aqui as pessoas são mais reclusas,e seus ideias de vidas diversos.Temos uma cultura perculiar,porém somos fortes,tamanha fortaleza e fé nunca vistas.


Dessa forma,escolhi minha terra,Quixadá-CE,para desenvolver minha ação com pensamentos futuros,um espaço aberto para os jovens da comunidade.Assim,coloquei todo mundo para trabalhar junto,pois em time que está ganhando todo mundo se mexe,santo ditado,rsrs!!
Foi um dia bem dinâmico.As mulheres se reuniram para bordar,reciclar e elaborar atividades para um futuro espaço aberto a ser criado na nossa sede para movimentar os jovens da região e a comunidade toda.


As crianças proporcionaram uma diversão extra,com alegria e descontração para o encontro.

Foram criados verdadeiras obras de arte como: luminárias artesanais com bordados típicos da região,toalhas,tapetes de retalhos,além do movimento de limpeza onde todos contribuíram,retirando coisas para serem reaproveitadas ou doadas.
Foi um dia muito,muito bom!! Enquanto a construção do espaço não chega,vamos nós cuidando na imagem e beleza dele,todos juntos.

Sou Emanuelly e assim digo Hey!!!! rsrs!

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Agente não está sozinho...

Quando pensar que existe um problema,temos que pensar em uma solução possível e viável...sempre existirá uma por mais difícil que se possa parecer.Ao identificar o problema de uma comunidade,que é meu caso com um problema com a falta de público para os projetos realizados em uma casa,pensei é uma solução, aliás pensei em como encontrar uma e ai resolvi juntar um grupo e colocar todo mundo p/pensar junto e assim foi organizado um evento com direito a panfleto e mais...

O trabalho em rede nos possibilita muito,principalmente um banco de talentos a nossa disposição.O evento aconteceu no dia 23 de outubro e contou com o apoio do Gilliarde de Florianópolis-SC para a divulgação e arte do mesmo.Assim,ficou mais fácil trazer os grupos.Porém,é como diz o ditado "se você não tem plano B você não tem plano",o encontro quase que não acontecia.O projeto Brasilis está com uma equipe reduzida e organizar tudo nos mínimos detalhes sobrou somente para 3 pessoas: Tânia Torres "a ligante",ela é a mulher dos contatos,sempre com o telefone nas mãos marcando reuniões e mais reniões e dando trabalho para os "andantes".Manoel Tavares "o andante 1",Ele trabalha comigo a mais de 10 anos somente na área social,fez e ainda faz longas caminhadas comigo para coisas do bem,diria.Emanuelly Oliveira "a andante 2 e criativa",euzinha que andei horas em baixo do sol do sertão para conversar e convidar grupos a participar do nosso evento...Se no dia do encontro não tivesse caido nem uma gota de chuva,se duas das convidas não tivessem tido problemas com o transporte teria sido 10000...mas foi 1000 nosso evento,que formou um grupo legal de pessoas,a ajuda de uma escola,além de todo aparato técnico.
Reunimos alguns jovens e 2 adolecentes do Projeto Digi@rte que provém do módulo de empreendedorismo social do e-jovem em Quixadá.Tivemos que executar o plano B para o cumprimento de nossas metas e para sair de lá com algo de concreto.
O clima,o tempo e tudo pareciam está contra nossa atividade,andamos por km visitando escolas e tentando mobilizar pessoas,telefonemas que não paravam e apoios que iam e vinham...mas aqui vai nossos planos:

PRIMEIRO PASSO:

1)Visita de reconhecimento do grupo ao local (sede Brasilis e comunidade).
2)Multirão de convocação para a comunidade (todo o grupo de pares passando nas casas). 20/11
3)Multirão de organização(onde vamos retirar tudo da casa e ver o que podemos reciclar para o Espaço Aberto). 27/11
4)Arrecadar materiais.
5)Reciclagem.
6)Mão na massa (04/12)

Porém como a maioria do grupo é nova no ramo social,fizemos uma dinâmica para que,divididos em 2 grupos pudessem resolver problemas em uma comunidade,para que eles por eles mesmos descobrissem o sentido de empreendedorismo social,movimento oásis e espaço aberto e desse forma uma das equipes esquematizou assim:



Esse foi o esquema utilizado por uma das equipes para realizar um trabalho em uma comunidade onde as drogas e a violência estão presentes entre as familias,como é o caso da Ccomunidade onde o Brasilis está inserido e dessa forma eles descobriram o conceito de Oásis e a importância do Espaço Aberto que nós se propômos a construir.

E vamos em frente e precisamos de muita colaboração ainda...formamos um grupo de 10 guerreiros e precisamos e queremos mais,para fazer uma transformação juntos.





sábado, 6 de novembro de 2010

Grandes idéias,nascem de pequenas causas...Passo 3

 As vezes quando se tem tudo ao mesmo tempo não se tem nada,não é??
As vezes estamos voltados demais para o que temos e esquecemos o mais importânte: as pessoas.
Olhando para a comunidade,com o nome sugestivo de sossego,vejo que por mais que tenhamos uma casa grande e materiais para o trabalho e por mais que tenhamos trabalho,as vezes o que nos falta são as pessoas...tão essenciais para qualquer trabalho/coisa.

Comunidade Sossego-Quixadá-CE

Então,o que mais sentimos falta em uma visão geral  da comunidade Sossego em Quixadá-CE,é a frequência dos moradores a nossa casa e pensando nisso há um pouco mais de 2 semanas resolvemos tornar público essa carência e assim organizamos nosso primeiro evento para atrair lideranças juvenis da cidade afim de transformar uma das nossas salas em um espaço aberto para o jovem criar,produzir e se divertir dentro da comunidade.Na semana do encontro tudo parecia dá errado,duas pessoas que vinham de Fortaleza para falar sobre a temática do Espaço Aberto (Pâmela) e outra para falar sobre o movimento oásis(Amanda) não puderam comparecer por motivos de transporte e faltando apenas algumas horas para o encontro tive que improvisar e no encontro tinha jovens que nunca tinham se envolvido em uma proposta social e utilizando um plano B,organizei uma dinâmica onde uma problemática foi dada as equipes,tinhámos uma comunidade,um espaço físico e tinhamos que criar algo ali para a comunidade e ai foi dado o tempo,os objetivos eram que eles descobrissem por eles mesmos os sentidos de empreendedorismo social,oásis e espaço aberto e assim uma das equipes esquematizou assim:

Essa equipe obteve todos os objetivos da dinâmica e daí passamos a debater nossos passos para concretizar nosso plano e solucionar nosso problema e para saber mais sobre isso ver aqui www.projetobrasilis.blogspot.com

Dessa forma,de uma simples iniciativa (encontro) surgiram grandes idéias para uma pequena causa (falta de pessoas) e assim pode torna-se uma grande ação.Vamos envolvendo mais pessoas disposta a construir esse espaço em parceria conosco.

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Do lixo ao luxo... Passo 2

Os 8 verbos de ordem são Transformar,Criar,produzir,renovar,reaproveitar,reutilizar,plantar,reflorestar,tudo isso é reciclar.
Estive pensando como eu posso utilizar da melhor forma e do meu jeito os verbos apresentados,então me dei conta que desde mundo fazia isto e não percebia.
A Transformação surge de algo que já existe e que precisa ser modificado,certo?
Então,nas últimas semanas resolvi me atrever a TRANSFORMAR um lugar que está quase esquecido e criar ali um Espaço Aberto para jovens,através do uso dos outros 8 verbos e de uma turma de amigos.
Daí,parei e lembrei de toda uma história de mudança e sustentábilidade: O Projeto Brasilis.
Em algumas salas daquele lugar,existe 7 mulheres,7 familias e um grande números de crianças que transformam,criam,produzem e vai...
Assim,passamos boa parte do nosso tempo recolhendo o que é lixo para os outros: retalhos,pedaços de tecidos,garrafas pet,jornais,revistas e etc;
Tudo isso é TRANSFORMADO em arte e vendido para gerar a sustentabilidade do nosso projeto e das 7 falimílias.Assim CRIAMOS vasouras de garafa PET,Broches,Bijuterias,artefatos e roupas de retalhos e papeis(de papel mesmo).Dessa forma,PRODUZIMOS uma verdadeira gama de objetos,que para nós é luxo,vejam:


A partir dos retalhos de tecidos que ninguém usa fazemos broches,colares,prendedores de cabelo e afins.
Ainda há a fabricação das vasouras de pet,que para PRODUZIR uma são necessárias 100 garrafas de pet.

O resto para completar as peças,cada um mensalmente,organiza e doa aquilo que não necessita mais e assim organizamos o Bazar do Brasilis e ou REUTILIZAMOS em peças novas e assim REAPROVEITAMOS em peças como o jeans em bolsas,uma simples perna de calça jeans vira tiara (arco) para cabelo ou um bracelete "fashion".
Dessa forma,tento fazer minha parte por um mundo mais limpo e reciclando temos feito muito e é o que nos mantem ainda ativos e caminhando constantemente.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...